CHAPADA DIAMANTINA


  • Viajar para um lugar inóspito é sempre uma experiência incrível.
     

  • Cada detalhe cria seu próprio valor e quanto maior o privilégio da conexão com uma paisagem única, mais árduo será o caminho.
    Assim Vitor Viana e João Pedro Salles, nos contam como foi sua expedição para a Chapada Diamantina, um dos lugares mais exóticos do Brasil.

     

  • Foram longas caminhadas de 20 kms todos os dias, passando por diferentes cenários e terrenos, da mata fechada à cachoeiras e vales enormes,
    um trabalho tanto corporal como mental, e como o próprio Vitor disse: "Todo o esforço vale a pena, sem dúvida alguma".

     

  • O equipamento fotográfico ideal para se levar nesse tipo de viagem é sempre o com menor peso possível, mas Vitor não abriu mão de carregar peso extra para contar com seu equipamento tradicional que consistia em duas câmeras, sendo uma DSLR e uma analógica, além de uma caixa estanque e uma seleção de lentes diferentes.
     

  • "É uma experiência mágica poder acordar todos os dias em uma paisagem diferente e mais impactante, rodeado de natureza por todos os lados".  
    A cada dia vivenciar uma experiência diferente e o fato de estarem hospedados em casas de famílias locais, os deu uma oportunidade enorme da troca de culturas e valores. 

    A travessia durou um total de quatro dias.

     

  • Nos últimos dias, Vitor conta que seu tênis já havia machucado tanto os próprios pés, que seguiu descalço o resto da trilha. "Umas belas de umas topadas fizeram parte da caminhada", nos diz, com humor. Mas relata que todos os perrengues passados eram sempre muito bem recompensados por paisagens cada vez mais inusitadas.
     

  • Segundo Victor, a travessia da Chapada Diamantina, além de uma viagem exploratória é também uma viagem para dentro de si, um exercício de autoconhecimento.
    A criação de uma maior conexão consigo e a natureza.

     

  • E assim se despediram da Chapada Diamantina, com muitos dias de interação com a natureza em seu aspecto mais essencial,
    interagindo, trocando informações e captando belas imagens na câmera e na memória.

    Parque Nacional da Chapada Diamantina - Bahia / BA